Diferenças estruturais e funcionais do coração de vasos sanguíneos em atletas praticantes de musculação e corrida.

Resumo: O exercício físico determina alterações importantes na estrutura e funcionamento de diversos componentes do aparelho cardiovascular. Entretanto, o padrão de modificações depende do tipo, intensidade e duração do exercício. Nos anos de 2009 e 2010 coletamos dados relacionados à estrutura e função do aparelho cardiovascular em indivíduos do sexo masculino que realizaram treinamento de longa duração em corrida ou musculação e num grupo de indivíduos sem histórico de qualquer atividade física regular nos 6 meses prévios aos exames. Cada grupo é composto por 40 homens na faixa etária de 25 a 50 anos, não fumantes, não alcoolistas e sem sinais de qualquer doença cardiovascular, renal, neurológica ou pulmonar prévios. Uma bateria de exames composta de exames de sangue, urina (coletada durante 12 horas), medidas de antropometria, ecocardiograma, eletrocardiografia convencional e para determinação da variabilidade da frequência cardíaca, teste cardiopulmonar máximo, tonometria arterial, velocidade de onda de pulso carotídeo-femoral, teste de reatividade pressórico ao frio, dentre outros, foram realizados na Clínica de Investigação Cardiovascular do Programa de Pós-Graduação em Ciências Fisiológicas. O banco de dados é destinado para uso de alunos de IC e alunos de mestrado testarem hipóteses de trabalho.

Data de início: 2013-05-21
Prazo (meses): 24

Participantes:

Papelordem crescente Nome
Pesquisador Luciana Carletti
Pesquisador Wellington Lunz
Coordenador Jose Geraldo Mill
Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910