Efeitos da ingestão de cafeína sobre o desempenho anaeróbico

Resumo: São bem documentados na literatura científica os efeitos benéficos da ingestão de cafeína no desempenho atlético, especialmente em exercício prolongado, de caráter predominantemente aeróbico. Além disso, há evidências crescentes de sua aplicação em exercícios de curta duração e alta intensidade. Muitos mecanismos são propostos para os efeitos ergogênicos da cafeína sobre o desempenho em atividades de alta intensidade e curta duração, como atenuação da fadiga e efeitos sobre o sistema nervoso central, reduzindo a percepção subjetiva do esforço e a dor. Efeitos moleculares descritos até então incluem a inibição da enzima fosfodiesterase e consequente aumento dos níveis de adenosina mono-fosfato cíclica (AMPc), ação antagonista sobre os receptores de adenosina, estímulo sobre a liberação sarcoplasmática de cálcio e aumento da atividade da Na+-K+ ATPase. Uma vez que os resultados disponíveis na literatura sobre o impacto da ingestão de cafeína no desempenho em atividades de alta intensidade e curta duração são ainda escassos e muitas vezes conflitantes, pesquisas adicionais se fazem necessárias para elucidar a questão. Desta forma, nosso objetivo é investigar os efeitos da ingestão prévia de cafeína sobre o desempenho em atividades com predomínio do metabolismo anaeróbico.

Data de início: 2012-07-01
Prazo (meses): 96

Participantes:

Papel Nomeordem decrescente
Colaborador Alexandre Barroso Melo
Colaborador André Soares Leopoldo
Aluno Mestrado Leonardo Carvalho Caldas
Coordenador Lucas Guimarães Ferreira
Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910