Efeito de diferentes tipos de exercício intervalado de alta intensidade em indicadores de dano muscular, perfil inflamatório, resposta hormonal e alterações cardiovasculares de adultos saudáveis

Resumo: O treinamento intervalado de alta intensidade (HIIT) é considerado uma estratégia tempo eficiente e segura para o aumento do condicionamento para sujeitos atletas e não atletas.
As adaptações induzidas pelo HIIT são muitos similares ao treinamento de endurance tradicional, porém com um pequeno volume de exercício. Existem diversos modelos de HIIT como os que usam esteira e bicicletas ergométricas e o que utiliza o peso corporal. O HIIT com
peso corporal, diferentes das demais modalidades, utiliza de exercícios corporais como: polichinelo, burpee, escalador, agachamento com salto em uma sessão de estímulos de alta intensidade “all out” seguido por um tempo de recuperação passiva ou ativa. O HIIT com peso
corporal apresenta algumas vantagens comparado aos demais modelos como: um menor tempo necessário para a prática, bem como, o fácil acesso, não utiliza nenhum tipo de equipamento, pode ser realizado em diversos lugares e baixo custo pode facilitar a inclusão de grande parte
da população na prática de atividade física. São poucos os estudos sobre o HIIT utilizando o peso corporal encontrados na literatura e apesar dos resultados serem positivos na melhora da aptidão física, redução da gordura corporal e aumento da força e resistência muscular o modelo
ainda carece de informações. Não existe dados na literatura sobre o efeito do HIIT com peso corporal sobre os marcadores de lesão muscular, resposta inflamatória, resposta hormonal e
cardiovascular. Portanto, compreender estas questões é de grande importância para entender os benefícios gerados por esta modalidade, bem como, determinar de forma segura a prescrição da sessão/treinamento do HIIT com peso corporal para que atenda às necessidades e objetivos de seus praticantes. O objetivo desse estudo é avaliar e comparar os efeitos de diferentes tipos de sessões de exercício intervalado de alta intensidade e exercício moderado em marcadores de dano muscular, nos níveis de cell free DNA, perfil inflamatório e hormonal e em parâmetros hemodinâmicos de adultos saudáveis. Participarão 50 voluntários (homens), com idade entre 22 e 42 anos de idade, saudáveis e praticantes regulares de exercícios físicos. Todos assinarão um termo de consentimento livre e esclarecido (TCLE) conforme estabelecido para pesquisas envolvendo humanos. Após uma sessão de familiarização, os participantes passarão por uma
série de testes antropométricos. Para as sessões experimentais, os participantes realizaram, de maneira randomizada, os seguintes protocolos: 1) Sessão de HIIT utilizando o peso corporal
com intensidade “all out”, 2) Sessão de HIIT tradicional na esteira ergométrica com intensidade de 100% vVO2máx e 3) Sessão de exercício contínuo na esteira ergométrica de intensidade
moderada, ou seja, 65% do vVO2máx. A duração de casa sessão será de 20 minutos. Os dados referentes à percepção subjetiva do esforço e de dor serão registrados através da escada de Borg (0-10). O limiar de dor e pressão muscular através da utilização do algômetro de pressão,
circunferência do membro e desempenho físico será avaliada nos momentos pré, imediatamente após a sessão, e será reavaliada 24 horas após o término da sessão. Amostras de plasmas serão
coletados por profissionais qualificados para a avaliação da creatina quinase, lactato desidrogenase, DNA livre, estresse oxidativa, enzimas antioxidantes, resposta inflamatória, resposta hormonal e dosagem de nitrito e nitrato que também serão avaliados antes, imediatamente, 24 após a sessão. Além disso, serão avaliados os parâmetros hemodinâmicas e a utilização de escalas para avaliação da percepção de prazer, alimentação e fome, antes, durante e após a sessão.

Data de início: 2020-11-01
Prazo (meses): 48

Participantes:

Papelordem decrescente Nome
Aluno Doutorado Paulo Vinicios Camuzi Zovico
Aluno Mestrado Welmo Alcântara Barbosa
Coordenador Danilo Sales Bocalini
Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910