Educação Integral em Tempo Integral em Brasília: qual o lugar da Educação Física

Nome: Andréa Nascimento Ewerton
Tipo: Tese de doutorado
Data de publicação: 28/08/2020
Orientador:

Nomeordem crescente Papel
Antonio Jorge Gonçalves Soares Orientador

Banca:

Nomeordem crescente Papel
Wagner dos Santos Examinador Interno
Luiz Alexandre Oxley da Rocha Examinador Externo
Jaqueline Moll Examinador Externo
Antonio Jorge Gonçalves Soares Orientador
André Luiz de Figueiredo Lázaro Examinador Externo
Amarílio Ferreira Neto Examinador Interno

Resumo: O presente estudo tem por objetivo analisar o lugar da Educação Física na Educação Integral em Tempo integral nos anos finais do Ensino Fundamental em Brasília no período de 2007 a 2018. Os conceitos fundamentais dessa pesquisa são: Educação Integral em tempo integral, currículo, intersetorialidade, educação do corpo e Educação Física. Lançamos mão de técnicas de levantamento documental e bibliográfico, bem como de aplicação de entrevista com gestores(as) e professores(as) de Educação Física que atuam na Educação Integral na Cidade de Brasília. Para análise dos dados levantados, organizamos em quatro categorias relacionando dados dos documentos, referenciais teóricos e fala dos entrevistados e respondente dos questionários, sendo: 1. Equipe de Trabalho; 2. Características Pedagógicas; 3. Interface e Intersetorialidade; 4. O lugar da Educação Física na Educação Integral em tempo integral. Dentre os principais achados na análise dos ciclos de Políticas Públicas a partir dos programas analisados, destacam-se: o distanciamento entre a formulação e a implementação dos programas; uma fragilidade nos processos de avaliação; e um reconhecimento da ampliação do tempo destinado aos conteúdos da educação do corpo além da oferta da Educação Física como componente curricular. Contudo, os relatos e observações registram pouca alteração no status da disciplina Educação Física no Currículo da Educação Integral, considerando tanto os conteúdos da educação do corpo quanto os da Educação Física como área de conhecimento, na medida em que seguem sendo organizados e materializados enquanto atividades complementares, realizadas especialmente, no contraturno, o que tem reforçado a fragmentação e hierarquização dos conhecimentos, e a dualidade turno x contraturno, formal e informal, e assim, mitigam mudanças efetivas na cultura escolar na perspectiva de um currículo ampliado.

Palavras Chaves: Educação Integral em tempo integral; formulação e implementação;Currículo; Educação do Corpo; Educação Física.

Acesso ao documento

Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910