Educação em valores no contexto escolar: Um estudo de caso.

Nome: Adriano Lopes de Souza
Tipo: Dissertação de mestrado acadêmico
Data de publicação: 31/03/2016
Orientador:

Nomeordem decrescente Papel
Otávio Guimarães Tavares da Silva Orientador

Banca:

Nomeordem decrescente Papel
André da Silva Mello Examinador Interno
Heloisa Moulin de Alencar Examinador Externo
Otávio Guimarães Tavares da Silva Orientador

Resumo: A sociedade hodierna tem caracterizado-se por uma pluralidade de valores, entendidos, por vezes, como crise de valores ou, talvez, mais correntemente, como valores em crise. Essa realidade complexa aponta para a necessidade de uma educação em valores, a qual deve encontrar na instituição escolar, um terreno fértil para a promoção e socialização de normas, valores e atitudes considerados socialmente desejáveis. Desta forma, este estudo teve como objetivo compreender como a dimensão atitudinal é desenvolvida no contexto de uma escola da rede pública do município de Vitória/ES, dando ênfase à Educação Física. Para tanto, o propósito dessa investigação demandou a necessidade de mobilizarmos, em termos metodológicos, o estudo de caso de tipo etnográfico, apropriando-nos de técnicas como: análise documental, observação, entrevistas e grupo focal. Os resultados indicam a existência de um discurso que reconhece/atribui uma certa potencialidade de conteúdos atitudinais vinculados às aulas de Educação Física, presente tanto nas falas dos sujeitos, como no PPP da escola. Nesse sentido, verifica-se que a dimensão procedimental, ao despertar o gosto, a motivação e o interesse dos alunos, pode ser a grande propulsora das aprendizagens referentes às dimensões conceitual e atitudinal, desde que sejam mobilizadas um conjunto de ações pedagógicas voltadas para esta finalidade. No que diz respeito à dimensão atitudinal, especificamente, apesar de todo o potencial atribuído às aulas de Educação Física, identificamos que a sua efetivação está subordinada às abordagens exortativa, incidental e intrínseca, confirmando, portanto, uma limitação já apontada por parte da literatura sobre a ausência de um planejamento prévio mais sistematizado acerca dos valores objetivados. Assim, conclui-se que a prática educativa comprometida com a educação em valores dos educandos perpassa pelos diferentes sujeitos escolares e, em especial, pelo professor, o qual consideramos ser a mola propulsora desse projeto educacional, sempre partindo-se do aluno enquanto sujeito histórico, tendo como pano de fundo um contexto social mais amplo. Por fim, espera-se que este estudo possibilite um diálogo com outros universos escolares, contribuindo para uma maior compreensão no trato das dimensões dos conteúdos educacionais, mais sensivelmente, a dimensão atitudinal – educação em valores –, tão almejada na sociedade contemporânea, quanto (ainda) dispersa em nossas reflexões pedagógicas.

Acesso ao documento

Transparência Pública
Acesso à informação

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910