Perspectivas de Constituição Docente no Transcorrer da Formações Inicial em Educação Física

Nome: Gabriella da Silva Pereira
Tipo: Dissertação de mestrado acadêmico
Data de publicação: 04/07/2017
Orientador:

Nomeordem decrescente Papel
Zenólia Christina Campos Figueiredo Orientador

Banca:

Nomeordem decrescente Papel
José Francisco Chicon Examinador Interno
NELSON FIGUEIREDO DE ANDRADE FILHO Examinador Externo
Zenólia Christina Campos Figueiredo Orientador

Resumo: Buscamos compreender quais as repercussões das experiências formadoras na trajetória curricular dos futuros professores de um curso de licenciatura em Educação Física no processo de tornar-se professor. Essa questão central nos coloca outras possibilidades, tais como: quais as mudanças os professores em formação destacam? Quais as escolhas eles fizeram dentro do curso? Quais os caminhos trilharam? Eles percebem como as suas histórias de vida e de formação vão constituindo-os e tornando-os professores? Trata-se de uma pesquisa de natureza qualitativa com base na abordagem biográfica, investimos na perspectiva autobiográfica como metodologia e com narrativas orais em suas experiências de investigação-formação. Propomos uma discussão acerca do tornar-se professor por meio dos modos pelos quais o sujeito narra sua própria constituição. Nosso objetivo central é o de explorar de que forma as narrativas de formação podem contribuir para uma melhor compreensão das repercussões das experiências formativas na trajetória curricular de formação inicial no processo de tornar-se professor de Educação Física. Os materiais de recolha de dados e informações foram divididos em seis momentos: 1) escolhemos os sujeitos e o lugar da investigação; 2) definimos as questões da entrevista narrativa; 3) elaboramos uma entrevista narrativa teste para aguçar os modos da abordagem; 4) marcamos com os sujeitos o dia e hora para realizarmos a coleta de informações de acordo com a disponibilidade de cada um; 5) analisamos o material, tiramos nota de cada entrevista e levantamos os temas predominante em cada uma delas; 6) elaboramos um texto sobre o processo de tornar-se professor de Educação Física durante a formação inicial com base nas narrativas de formação e no referencial teórico escolhido por nós. Consideramos que as narrativas de formação dos sujeitos, seus olhares e ações diante da formação é o próprio percurso dessa pesquisa, que se caracteriza por um ser que se faz em movimento, que se torna em movimento, o movimento de tornar-se professor. São ideias, pessoas, palavras, afetos, resistências, encontros, desencontros e uma série de outros elementos que não caberão nessa pesquisa, pois os sujeitos perpassam por diferentes espaços e esferas formativas. Nesse sentido, realizamos um estudo “micro”, no interior das narrativas de formação, participando com os sujeitos envolvidos nessa pesquisa no ato de rememorar o seu processo de tornar-se professor. Por isso, esse trabalho tem como eixo central as narrativas de formação, produzidas pelos alunos concluintes do curso de Licenciatura em Educação Física da UFES.

Transparência Pública
Acesso à informação

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910